As 5 piores desculpas para “escapar” ao exercício

07/16/2015|Andreia Melo

A mudança é sempre positiva. Mas uma mudança exige esforço, dedicação, tempo. Sobretudo, exige-lhe que saia da sua zona de conforto. Por isso, tantos de nós resistimos à mudança. Queremos uma vida melhor, um corpo mais saudável, mais energia, mais bem-estar. Mas fazemos alguma coisa nesse sentido?
Quando queremos somos óptimos a inventar desculpas que nos tranquilizem (a nós e aos outros) quando escolhemos não fazer uma coisa que sabemos ser positiva para nós. O exercício não foge a essa regra.
Ouvimos tantas vezes desculpas que não fazem sentido que hoje resolvemos tentar desmistifica-las aqui. São elas.

1. Não tenho tempo
Longe de nós julgar saber o que se passa na vida de uma pessoa. Não sabemos o que alguém realmente passa, mas sabemos que o dia tem 24 horas. Também sabemos que todos têm responsabilidades que não podem deixar de cumprir, mas acreditamos que sobre algum tempo. A verdadeira questão aqui não e se têm ou não tempo, mas sim o que prefere e escolhe fazer com o tempo (por menor que seja) que lhe sobra.

2. Tenho problemas nas costas, joelhos, articulações
Quando for esse o caso, procure informar-se sobre que tipo e estilo de exercício pode fazer-lhe bem em vez de descartar por completo a hipótese de fazer exercício.

3. Os meus filhos ocupam-me demasiado
Há tantas e tantas mães e tantos e tantos pais que conciliam (a muito custo, nós sabemos) vidas profissionais activas com uma vida saudável, com espaço e tempo para a práctica de exercício, para actividades com as crianças e para momentos de descanço. Admiramos muito estas pessoas, sabemos que elas existem e sabemos que você pode ser uma delas. Gerir o tempo não é fácil, mas aprende-se. E ao fazê-lo ficará a ganhar muito mais do que a perder.

4. Já fiz exercício antes e não vi resultados
Mesmo? Empenhou-se na práctica desse exercício? Deu tempo ao seu corpo para se habituar a essa práctica? Tentou conciliar isso com uma alimentação saudável? Porque o que funciona para uns, funciona para outros…

5. Não sou pessoa de ginásio
Nem precisa de ser. Há tantas outras actividades à sua escolha. Se tiver mesmo vontade de incluir a práctica de exercício na sua vida (e não estiver só a dizer que quer) então vai procurar aquela que mais se adeque a si, à sua vida, aos seus gostos. Que tal tracking? Caminhadas pela natureza são sempre bonitas e você escolha a velocidade a que vai. E yoga? Quer associar alguma espiritualidade à sua práctica de exercício, com o yoga tem oportunidade de fazer isso mesmo. Informe-se!

Einstein disse que a maior forma de loucura é fazer a mesma coisa todos os dias e esperar resultados diferentes…

IMG_5221

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: